Aprenda 5 formas de evitar retenção de líquido!
Aprenda 5 formas de evitar retenção de líquido!

Deseja evitar retenção de líquido e não sabe mais o que fazer para combatê-la?

Não se preocupe que vamos ensinar algumas formas de se evitar a retenção de líquido nesse artigo.

Muitas pessoas sofrem com a retenção de líquido e nem sabe. Essas pessoas, em sua maioria acreditam que estão gordas ou, pelo menos, acima do peso.

A retenção de líquido é realmente capaz de aumentar muitos quilos em uma pessoa, principalmente nas mulheres.

Isso além de prejudicar várias coisas na vida de uma mulher diminui em muito a autoestima dela.

Entre os problemas da retenção de líquido os mais comuns são:

  • Inchaço;
  • Dificuldade de locomoção;
  • Baixa autoestima;
  • Dificuldade em calçar calçados (famoso ‘pé gordinho’);
  • Aumenta problemas de varizes;
  • Aumenta problemas renais;
  • Aumenta problemas cardiovasculares.

Todos esses problemas são muito graves para uma pessoa pois podem levar a doenças muito mais sérias do que uma ‘simples’ retenção de líquido.

Por exemplo, uma dificuldade de locomoção, ou seja, a pessoa tem dificuldade para caminhar, se abaixar, levantar, correr e etc.

Isso pode trazer problemas de saúde como aumento de peso e problemas cardíacos.

Já a diminuição da autoestima pode trazer problemas como ansiedade, depressão e até mesmo, casos de bulimia e anorexia.

 

O que é retenção de líquido?

A retenção de líquido ocorre quando o líquido presente no sangue e pobre em proteínas se ‘desloca’ para fora dele através dos vasos se alojando abaixo do tecido subcutâneo.

Isso faz com que a pessoa ‘inche’, da mesma forma que ocorre quando você machuca uma parte do corpo.

A diferença que você incha o corpo todo de forma igual.

 

5 formas de acabar com a retenção de líquido

A primeira coisa que você precisa fazer é saber o que causa a retenção de líquido em você.

Isso é importante pois você precisa saber se isso não é sintoma de algum outro problema maior, como por exemplo, algum problema nos rins.

Entre as formas de evitar ou acabar com a retenção de líquido citamos:

  1. Comer menos sal;
  2. Beber mais água;
  3. Tomar chás diuréticos;
  4. Faça exercícios físicos;
  5. Alimentos diuréticos.

Abaixo explicaremos cada um desses tópicos.

 

1. Comer menos sal

Esse é a mais óbvia para evitar a retenção de líquido.

O sal é responsável por ‘absorver’ o líquido ingerido, impedindo que ele seja liberado na urina ou mesmo no suor.

É por esse motivo que o sal é um dos principais causadores da pressão alta.

O sal na corrente sanguínea ‘segura’ o líquido que deveria ser eliminado aumentando assim o volume do sangue.

Quando maior o volume sanguíneo, maior a pressão sanguínea por consequência.

Pense que o sangue é a água que corre por dentro dos canos da sua casa. Quando você tem pouca água nos canos, a pressão é baixa.

Já quando se tem muita água a pressão sobe na mesma proporção, uma vez que os canos permanecem com o mesmo diâmetro.

Por esse motivo que quem sofre de pressão alta costuma tomar vasos dilatadores e também remédios diuréticos.

Os vasos dilatadores ‘alargam’ o diâmetro dos ‘canos’ (vasos e artérias) e o diurético diminui o volume de ‘água’ que passa por esses ‘canos’. Dessa forma a pressão sanguínea diminui.

Enfim, se você diminuir a quantidade de sal na sua alimentação, automaticamente diminuirá a retenção de líquido.

 

2. Beber mais água

Pode até parecer piada mas garantimos que não é.

Beber o volume ideal de água por dia faz você reter menos líquido.

Isso se dá por dois motivos.

O primeiro é que quando você toma pouca água o seu corpo tende a reter liquido como uma forma de se proteger para casos de necessidade.

Em outras palavras, para o seu corpo não sofrer com uma possível falta de água completa ele retem liquido para a sua segurança.

O segundo motivo é que quando tomamos a quantidade de líquidos necessários para manter o nosso corpo da maneira correta, nós ‘limpamos’ as toxinas presentes nele.

Essas toxinas são liberadas pelo corpo, em sua maioria, através da urina. Então quanto mais você urinar, melhor para o seu corpo.

Tomar bastante água faz você urinar mais, consequentemente você libera mais toxinas do seu corpo que, por fim, retem menos líquido.

 

3. Tomar chás diuréticos

Tomar chás que tenham função diurética é uma das chaves para evitar e eliminar a retenção de líquido.

Mas tome cuidado, pessoas que tenham problemas de rins, não devem tomar chás diuréticos ou qualquer outro tipo de alimento ou remédio diurético.

Isso ocorre pois produtos diuréticos forçam a produção de urina, forçando assim os rins.

Se você já tem os rins prejudicados por algum problema, é praticamente certo que eles serão ainda mais prejudicados pelo uso de diuréticos.

Entre os chás diuréticos podemos citar:

  • Chá preto;
  • Chá verde;
  • Chá de Hibisco;
  • Chá de Cavalinha;
  • Chá de Gengibre.

 

4. Faça exercícios físicos

Exercícios físicos fazem a circulação sanguínea se ativar melhorando dessa forma o funcionamento de todos os órgãos, inclusive os rins que são responsáveis pela produção de urina.

Os exercícios físicos também fazem a pessoa suar o que também diminui a retenção de líquido.

Além disso o exercício físico é de extrema importância na vida das pessoas pois previnem uma série de doenças, principalmente as cardiorrespiratórias.

Para quem é sedentário ou trabalha sentado o ideal é caminhar pelo menos 5 minutos a cada 30 ou 40 minutos.

Isso serve para manter a circulação sanguínea ativa, evitando até mesmo o surgimento das varizes.

 

5. Alimentos diuréticos

Não são apenas os chás que tem função diurética. É possível encontrar esse beneficio em inúmeros alimentos, principalmente em frutas.

Entre os alimentos para evitar a retenção de líquido podemos citar:

  • Abacaxi;
  • Gengibre;
  • Melancia;
  • Melão;
  • Pepino.

 

Considerações finais

A retenção de líquido é negligenciada por muitas pessoas quando na verdade ela pode se tornar um problema muito sério.

Como dito, se você sofre desse problema a primeira coisa a fazer é procurar um médico para saber se esse problema não é apenas um sintoma de algo maior.

Por exemplo, quem tem problemas nos rins podem sofrer com a retenção de líquido.

Muitas vezes a pessoa só trata o sintoma buscando uma melhora estética (emagrecer) e não busca saber o que realmente está causando isso a ela.

Quando descobre, as vezes, já é tarde demais e sua saúde esta prejudicada de maneira definitiva.

 

Gostou das dicas? Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais.

Comente esse Artigo