O Que Se Apaixonar É Como como uma Pessoa Altamente Sensível

O Que Se Apaixonar É Como como uma Pessoa Altamente Sensível

9 de julho de 2021 Off Por Corpo e Boa Forma

couple cuddling in bed

casal cuddling na cama

VegterFoto / Stocksy United

Ah, pegando sentimentos. Um pouquinho aterrorizante, mas principalmente excitante-apaixonar-se pode ser bem mágico, não importa quem você seja.

E para pessoas altamente sensíveis (HSPs), aqueles sentimentos oh-so doces na fabricação são muitas vezes todos os mais imersivos.

Vamos fazer backup de um segundo. A alta sensibilidade é um traço genético completamente normal e saudável. E quando eu digo completamente normal, eu quero dizer isso.

, o psicólogo clínico que descobriu o traço de volta no final dos anos 90s, descobriu que um percentual de whopping por cento da população mundial é altamente sensível. Yup, mesmo aqueles que fingem o contrário.

Possessem um mundo interior rico, o sistema nervoso HSP processa estímulos externos mais profundamente do que outros. Em fala super casual, eu gosto de dizer que é meio que revirar o volume em sua experiência média de vida. A intensidade de cada sensação é intensificada, de emoções a, e tudo em entre.

Coloque o trabalho necessário para entender e nutrir a sua própria sensibilidade, e pode se tornar uma bela força em vez de um fardo. Porque, HSP ou não, são nossos relacionamentos com nós mesmos que acabam por determinar a qualidade de nossas conexões com os outros.

O que eu estou tentando dizer é: O melódico-e, ocasionalmente, confuso-dança de é diferente para cada pessoa, não importa em que traços eles se identifique.

Estas são algumas revelações da minha própria vida amorosa como um HSP.

Uma vez que você cruzou o limite de para “oh sh*t estamos nos apaixonando?”, espera que o HSP médio tenha você em sua mente com frequência.

Mesmo com pequenas ações, como as playlists que fazemos ou por quanto tempo brindamos pão no café da manhã, nossos parceiros são sempre uma consideração.

Pessoalmente, eu não caí para as pessoas facilmente. É preciso uma receita bem equilibrada entre o tempo, a confiança e em todos os níveis. Mas, uma vez que eu faço, eu acabo tomando notas mentais de todas as pequenas coisas que meu parceiro cuida, factorando-o no meu dia-a-dia.

É uma das muitas alegrias para se chegar durante aquela ladeira doce em sentimentos de.

Enquanto ser atencioso é uma parte saudável de relacionamentos, HSPs têm a de outros. Pode ser fácil para os foliões altamente sensíveis se sentiam decepcionados se a consideração deles não for recícontrada.

Se isso acontecer,. É mais fácil dito do que feito-confie em mim, eu sei. Mas é totalmente necessário. Seu parceiro não saberá o que você precisa a menos que você o expresse.

Como a maioria das pessoas no amor provavelmente concordaria, pegar “The Feels” dá até os dias mais normais que um pouco extra de tempero.

Se um pudesse beber 8 xícaras de café, se apaixonar como um HSP seria assim. É empolgante, enérgico, e provavelmente te dá vontade de dançar por todo o lugar. Pelo menos, é assim que eu me sinto.

É inegavelmente um sentimento incrível. O equilíbrio é necessário, no entanto.

Muitos HSPs buscam uma interseção saudável entre e afeto, permitindo-nos tempo de recarga em nossa própria solidão. Por isso, encontrar alguém cuja empresa você absolutamente adore pode representar um pouco de desafio quando se trata de encontrar seu novo groove.

Quero dizer, ei, se apaixonar independente de quão sensível você é (ou não é).

Quando se trata do jogo “Eu vou fingir ser um leitor de mente”, considere HSPs Olympians. Para melhor ou pior, temos uma curiosidade inata sobre a maneira como os outros pensam-não apenas sobre nós, mas sobre a vida em geral.

Muitas vezes estamos especulando mais do que Sherlock Holmes, contemplando as menores nuances em e de comunicação.

De acordo com uma, outras pessoas estão frequentemente na vanguarda de um cérebro de um HSP. Visto que estamos em uma busca sem parar para analisar e entender aqueles que estão ao nosso redor, todo esse pensamento pode se tornar um pouco.

Não é todo o tempo, no entanto. Em entre as planas quizzas, sentimentos de amor podem nos manter ilusamente presentes, encharcendo cada momento alegre e prazeroso. Aqueles momentos de pura e total estilidade induzida pelo amor não são nada menos que divina.

Avaliar cada avenida em potencial e resultado, como muitos HSPs fazem, estende-se também ao nosso amor. Essa mesma consideração cuidadosa por cada detalhe pode nos tornar grandes tomadores de decisão e líderes-mas também pode complicar nossa aparência.

De vez em quando, o nosso “” pode receber o melhor de nós.

Durante meu primeiro relacionamento, eu estava pendurado sobre o fato de eu ser tão jovem. Eu pensaria coisas como: “Eu sou muito jovem para estar com alguém para o longo curso, então o que eu estou mesmo fazendo aqui?”

Eu sobrepensei o futuro-hardcore-já que eu ainda não tinha aprendido a como das minhas emoções. E, rapaz, fez retrocesso.

Como HSPs, precisamos nos dar espaço para sentir todas as coisas e tentar se auto-crítica. Um pouco de excesso de pensamento é uma parte natural do crescimento, seja por sua conta ou com um parceiro. E lembre-se: dê um passo de cada vez, meus amigos.

Um processamento de pensamento profundo do HSP e emoções fortes pode transformar o volume no desperte da paixão. Sensível, sensual, sedutor … Há uma razão que essas palavras soam semelhantes. * wink *

Às vezes, eu ainda me fixo no grande “onde está tudo indo” pergunta. Mas, sinceramente, quem não tem?

são praticamente um escolhido-seu-próprio-romance de aventura. E para HSPs, cada nova página é freakin ‘ emocionante-mesmo que estamos curiosos sobre o resto da trama ao longo do caminho.

Para citar Aron, ” Eu estou profundamente comovido com as coisas. Eu detestaria sentir falta da alegria intensa disso. ” Eu não poderia concordar mais.

Sarah Lempa é uma escritora e estrategista de mídia criativa cobrindo as alegrias (e desafios) do estilo de vida de viagem, saúde mental e solopreneurship. O trabalho dela tem aparecido em Business Insider, VICE e MALA Magazine, entre outros. Atualmente com sede na Indonésia, ela é chamada de vários países para casa e se aventurou por seis continentes ao longo do caminho. Quando ela não estiver se lastreando em uma peça, você vai encontrá-la empatando para batidas batidas ou andando de moto. Continue com a Sarah on.